Search

Anúncios em vídeos online: saiba como mensurar e criar estratégias

O consumo de conteúdo digital teve seu boom no pico da pandemia, quando as pessoas estavam em casa e posteriormente continuou em alta, virando tendência e hoje, nossa realidade. Veja como os vídeos podem impactar positivamente e saiba criar estratégias.


Em 2018 os vídeos já estavam em alta. Muitos já apostavam em números maiores para os próximos anos e de fato, os números subiram, de forma muito rápida, por um motivo delicado, a pandemia.



Digitalização acelerada

Quando o COVID-19 surge, choca a todos com tantas mudanças dentro do estilo de vida, forçando o mundo a criar hábitos dentro de casa, praticamente trazendo sua vida externa para a interna. E foi neste momento que o disparo de vídeos começou, mas, todos achavam que era algo momentâneo, e então passaram 2 semanas, 1 mês e por fim, anos. Tudo ficou mais nítido que esse caminho não iria mudar e o consumo de vídeos online seria cada vez maior durante os próximos anos.



Outro fato bastante interessante, durante este delicado momento, foi que a maioria dos brasileiros interagiu e escolheu mais opções online de entretenimento do que comparado aos tradicionais canais de TV.


Pesquisa

Recentemente o Google divulgou uma pesquisa, feita pelo Video Viewers e segundo o relatório, 86% dos brasileiros assistem vídeos na web, deixando o Brasil como segundo país com mais horas de vídeos assistidas no YouTube. A pesquisa entrevistou indivíduos entre 14 e 55 anos, em cinco capitais do país — 56% dos entrevistados estão assistindo mais vídeos na web do que na televisão.


Aumentando o número de visualizações e engajamento


  1. Disparo de e-mails

Considerar elaborar bons e-mails, com conteúdos cativantes e inserir o link do vídeo, é uma boa estratégia para aumentar o número de visualizações em seu vídeo.

  1. Divulgação nas Redes Sociais

Outra alternativa válida para aumentar o engajamento com seu nicho, é realizar postagens com curtas do seu vídeo, através do feed e stories. Além disso, fica válido deixar explícito o link do vídeo diretamente em sua bio — facilitando o acesso ao vídeo.


Estratégias

Google

Considere adotar as diretrizes ABCD do YouTube. Usuários que adotaram esta diretriz tiveram maior desempenho, quando comparado aos demais usuários. Os anúncios que seguem o ABCD do YouTube demonstraram um aumento de 30% na probabilidade de vendas de curto prazo e um crescimento de 17% da marca a longo prazo¹.

Mas o que é ABCD?

Elaborado através do princípio sobre quais elementos criativos geram maior impacto no YouTube, criando anúncios mais efetivos.


A - Attract: chame atenção desde o começo B - Brand: Integre sua marca naturalmente C - Connect: Conecte com um Storytelling emocional D - Define: Definir um call to action

Mix de marketing

Geralmente o mix de marketing segue princípios de rápida coleta de dados, mas, quando estamos falando de vídeos online, é preciso considerar a longo prazo. Anúncios no YouTube já mostraram produzir maior ROI do que comparado a televisão tradicional. Portanto, considere a longo prazo e não a curto.

Invista em múltiplos canais - Ominichannel

É uma excelente estratégia aparecer no canal online e off-line e desta forma, testar qual obteve maiores resultados (test-and-learn). Empresas que investiram em conteúdos online durante o período da pandemia tiveram maior êxito em seus anúncios.



Agora, em 2022, com o mercado físico de volta, vale a tentativa na criação de estratégias presenciais. Depois, uma boa análise deverá ser feita sobre estes dados. Mas, quais dados? Dados em vendas são excelentes parâmetros.


Vamos mais a fundo, que tal aprender a calcular o ROI?

Como calcular o ROI

Se seu anúncio teve bom engajamento, mas não atraiu leads e oportunidades em vendas, algo pode estar errado. Devemos criar uma simples fórmula:



ROI = $ Vendas pelo anúncio/conversão /

$ valor gasto para criação do vídeo.

Você ganhou mais do que gastou com a criação e divulgação do vídeo?

Se os ganhos foram maiores e objetivos foram alcançados, parabéns, seu anúncio está no caminho. Mas, se foi ao contrário, considere adotar algumas mudanças:


  • Redefina o call to action. Seu CTA precisa estar bem claro, diante de quem o visualiza. Mantenha o mesmo simples e atrativo.

  • Garanta continuidade na linguagem visual. Onde você está levando as pessoas depois de clicarem? É preciso manter a perspectiva e garantir o que é esperado.

  • Mantenha em sua mente a experiência do cliente. Nunca frustre seu potencial cliente, tenha certeza que a página onde ele for redirecionado seja intuitiva e agregue o que ele procura.


Foque em sua marca (branding)

Tente manter a visão e propósito da sua marca, ao invés de enfatizar tanto o produto/promoções. As pessoas querem antes saber como a marca conversa.



Frequência e alcance


Nem sempre a frequência dos anúncios pode ser a melhor alternativa. Quando as marcas aumentam o alcance em uma plataforma específica, o ROI se torna muito maior.


Aspectos finais



É preciso estar sempre muito atento às tendências, comportamentos dos consumidores e novos formatos de conteúdo. Vale lembrar que o omnichannel é muito importante para maiores números.


Testar novas estratégias fazem parte da rotina, criar conteúdos que tornem seus anúncios mais humanizados e menos promocionais, considerar que nem sempre uma alta frequência pode ser positiva e sim, valorizar o alcance e resultados a longo prazo, são pontos importantes para dar grandes passos e colher bons resultados.


Profissionais de marketing, a compreensão de diversos fatores, estratégias, métricas, são muito importantes para o tomarem decisões corretas e alavancar marcas.


Referências:

Google/Kantar Link AI, Global, The Short and the Long of ABCDs Effectiveness, n=11,000 ads, April 2021


0 comments

Recent Posts

See All