Search

Quais são os planos de Elon Musk para o Twitter?

A revolução digital está acontecendo rapidamente, novas regras, novas tendências e tecnologias, tornando o cenário digital cada vez mais difícil de ser acompanhado. Por hora, vamos entender por que Elon Musk comprou o Twitter.



Afinal, quem é Elon Reeve Musk?

Elon Musk é um dos empreendedores mais conhecidos da atualidade. Líder de diversos projetos e com a credencial de ser o mais rico do mundo. Nascido na África do Sul em 1971, chacoalhou o mundo quando criou a agência espacial SpaceX, despertando interesse de muitos bilionários e revolucionando o cenário tecnológico.


Mas, calma, Elon não começou bilionário. Aos 18 anos se mudou para o Canadá, onde realizou uma série de trabalhos braçais. Em sequência, passou a vender peças de computadores para seus colegas universitários, com preços inferiores aos do mercado.


Anos depois, formado em física, Elon Musk fundou ao lado do seu irmão a Zip2, sendo sua primeira startup, vendida posteriormente por US$307 milhões de dólares.


Elon parou por aí? Não, depois de ter vendido a Zip2, ele criou o X.com, um serviço de pagamentos online — comprada pelo seu concorrente PayPal.

A trama do Twitter

Agora, por que o homem mais rico do mundo, já possuindo a Tesla e SpaceX, quer comprar uma empresa de mídia social? Livre discurso, é sobre isso.


Sim, Musk disse que quer promover o livre discurso — pelo fato de dizer que é uma plataforma essencial para as pessoas expressarem seus pontos de vista, sem restrições.

Durante uma entrevista realizada pela TED, depois de ter feito já um lance para o Twitter, ele explicou alguns dos seus planos: ‘’Bem, eu acho muito importante ter um local inclusivo e de discurso livre’’, Musk fala. ‘’Twitter tem se tornado uma espécie de praça da cidade, então é realmente importante que as pessoas tenham a realidade e percepção de que podem falar livremente, dentro dos limites da lei.’’



Alguns críticos do plano de Musk mostraram preocupação com suas ideias e o que poderá vir a acontecer depois da sua nova aquisição. A preocupação começou a ter erupção depois de ter mencionado ao TED, que ainda não sabia como a funcionaria a moderação de conteúdo, pois ainda não estava totalmente claro de como iria funcionar. Musk menciona que o Twitter precisa ‘’Ter muito cuidado com banimentos permanentes’’ e adicionou a sua fala que ‘’bans’’ temporários são às melhores soluções.


‘’Meus fortes sentidos intuitivos são sobre ter uma plataforma pública que é altamente confiável e inclusiva, isso é muito importante para o futuro da civilização,’’ ele comunica. ‘’Eu não me importo para a economia, nem um pouco.’’ Musk afirma.

Quão rápido virão as mudanças no Twitter?

Não tão rápido. O acordo ainda precisa ser finalizado, pois é um processo que pode durar semanas e até meses. Ainda são muitas perguntas sobre a influência do Musk e infelizmente, a sua maioria se encontra sem resposta.

Botão de edit

O botão de editar ainda é um dos recursos mais solicitados do Twitter. Imagine, você escreve um belíssimo texto, mas sem revisar, acaba postando e verifica que tem informações de pontuação errada ou outras considerações a serem feitas.

Bastaria editar não é mesmo? Por isso, é um dos objetivos ditos pelo Elon Musk sobre a plataforma, depois de ter tuitado aos seus seguidores sobre o recurso de edição e ter tido uma porcentagem de 73.6% de votos positivos. Dias depois, o Twitter comunicou ao Musk que já estavam trabalhando nesta ferramenta.



Twitter terá mudanças no algoritmo?

Segundo Musk, ele menciona que quer tornar o algoritmo do Twitter mais transparente, possibilitando que as pessoas vejam se o tuite foi promovido ou não.



O Twitter diz que é um planejamento complexo diante a todas as exigências feitas pelo Elon Musk, mas já estão trabalhando em cima das solicitações.


Muito ainda está por vir

‘’Muitos ainda estão questionando e criando hipóteses sobre o novo fato, afinal,

Imergir dentro deste universo digital e desvendar todo acontecimento por trás dos bastidores ainda é impossível, portanto, seguimos estudando e analisando todas as mudanças. Estamos no ápice da era digital.’’ Equipe D2B.


gif

0 comments